Praticagem em Itajaí


A Praticagem em Itajaí iniciou seus trabalhos na década de 40, quando o prático Manoel Ezidro abriu o Porto com o Navio Trópicos. Nessa época, a Praticagem se denominava serviço de Praticagem da Barra e Porto de Itajaí Ltda., até 1985, quando foi criada a Associação de Práticos dos Portos de Itajaí. Em 1997 foi sucedida pela Itajaí Práticos Serviço de Praticagem S/C Ltda., que inicialmente contava com três Práticos e três Praticantes de Prático, que em 1998 tornaram-se Práticos.



Ao final do ano de 1998 mais três Práticos associaram-se a empresa, e neste mesmo ano a empresa começou a informatizar o sistema de atendimento aos clientes. Em 2003 o serviço de Praticagem passou a atender 24 horas, por operadores bilíngües em regime de escala de revezamento.

Em meados de 2005 a Itajaí Práticos mudou-se para a nova Atalaia, onde todas as suas operações são centralizadas e controladas através de sistemas informatizados, regida por autogestão, e estruturada com a mais alta tecnologia, plantão permanente bilíngue, sempre capaz de atender a demanda de navios e à prestação de informações que lhe são solicitadas, 24 horas por dia, 365 dias por ano.

Possui suas próprias lanchas para embarque e desembarque de Práticos, todas sofrendo periodicamente o processo de homologação realizado pelo Conselho Nacional de Praticagem - CONAPRA.

A Praticagem marítima é uma atividade baseada no conhecimento dos acidentes e pontos característicos da área onde é desenvolvido. É realizado em trechos da costa, em baías, portos, estuários de rios, lagos, rios, terminais e canais onde há tráfego de navios. A principal razão da existência deste serviço é proporcionar maior eficiência e segurança à navegação e garantir a proteção da sociedade e preservação do meio ambiente.

CONTINUAR LENDO